Noroeste Informa

Deputado Filippe Poubel reforça pedido de afastamento do Prefeito de Itaperuna

Deputado Filippe Poubel reforça pedido de afastamento do Prefeito de Itaperuna

A possibilidade de o prefeito Alfredo Marques Rodrigues, Alfredão, concorrer à reeleição em 2024 pode ser atropelada pela Justiça. Investigado pelo Ministério Público do Rio de Janeiro, sob alegações de desvio de fundos dos cofres municipais, há um pedido de afastamento imediato dele, feito pelo Deputado Estadual Filippe Poubel (PL).

O caso teria ocorrido em 2019, com foco na candidatura do Deputado Federal Murillo Gouvêa (União-RJ), que se elegeu pela primeira vez em 2022. O prefeito é acusado de ter autorizado contratação em massa de “funcionários” e utilizar parte deles na campanha de Gouvêa.

Poubel apoiou Alfredão nas eleições de 2020, mas se diz arrependido. Segundo ele afirma, em junho deste ano ele tomou conhecimento da falta de pagamento de funcionários, que apontaram também a situação crítica que a cidade está enfrentando. “Peço à justiça, o afastamento imediato do Alfredão, para que possam ser apurados todos os desvios de dinheiro que foram feitos em Itaperuna nos últimos meses”, disse o parlamentar ontem em plenário, 10/08, ao justificar o pedido feito.

Naquela oportunidade, Poubel apresentou áudio de uma das funcionárias da prefeitura reclamando dos atrasos de salários e agravou que profissionais da saúde e os RPA passavam por atrasos de pagamento de até cinco meses. Ainda de acordo com o deputado, foram inúmeros os áudios que recebeu de pessoas desesperadas falando que não tinham o que comer: “Gastaram o que tinham e o que não tinham para eleger Murilo Gouvêa, o filho do prefeito para deputado federal, e os profissionais pagaram por isso”.

Já de acordo com as investigações do Ministério Público, o esquema teria envolvido a contratação de funcionários por meio de recibo de pagamento autônomo, gerando possivelmente o desvio de R$122 milhões dos cofres do governo municipal, o que corresponde a 30% do orçamento do município do ano passado. “Não me arrependo de nada; porém, carrego comigo um sentimento de decepção com o prefeito de Itaperuna, Alfredão”, declara Poubel justificando: “Inflaram a folha salarial do município, que hoje está respirando por aparelho”.

O parlamentar diz ainda que não tem informações sobre a investigação feita pelo MP e enfatiza que continuará atento às denúncias que chegam ao seu gabinete, e dentro das suas atribuições, seguirá lutando por uma administração pública que tenha zelo com os recursos e ética. Em nota encaminhada pelo WhatsApp, o Departamento de Comunicação (Decom) do governo respondeu: “A Procuradoria Geral do Município de Itaperuna até o momento presente, não foi notificada a respeito do pedido de afastamento do Prefeito Alfredão feito pelo Deputado Filipe Poubel. Qualquer forma de pronunciamento será feita somente após a notificação“.

Fonte: JORNAL O DIA

Compartilhe:

Facebook
WhatsApp
Telegram

Ajude o Noroeste Informa

Chave: bc1qqgzrj7g03xqsc9cvr3n7m0yvrdc0s7wky453ux

Comentários: