Noroeste Informa

Esforço em Defender o Indefensável

Esforço em Defender o Indefensável

Os blogs alinhados com Alfredão entraram em modo de defesa depois dos golpes sucessivos que prefeito tem recebido. Após anunciarem que seu líder havia habilidosamente conduzido o navio de volta ao rumo foram pegos de calças curtas vendo uma sucessão de reveses ao mandatário municipal de uma única vez. Nesta última semana o Prefeito viu sua base brigar entre si na Câmara Municipal, perdeu um vereador para a Oposição, teve de fazer uma nova dança das cadeiras entre os Secretários e viu seu Vice-Prefeito a articular com vida própria.

A Reforma Administrativa adicionou ainda mais combustível na Oposição, já que a tentativa de Alfredão de criar vários cargos comissionados em meio a uma crise financeira generalizada no município pegou muito mal. Não está sendo fácil para o prefeito se livrar dos problemas que ele mesmo gerou. Tentando ajudar a apagar o fogo estão os blogs puxa-saco do governo dizendo “calma que as labaredas não estão tão altas assim“. Na esteira de defender o prefeito, até no que é indefensável, o time Chapa Branca ganhou memória súbita ao lembrar da Reforma Administrativa feita pelo ex-Prefeito Marcos Vinícius, mas esqueceram convenientemente de alguns detalhes.

Primeiro, a Reforma Administrativa realizada pelo ex-prefeito de fato elevou o número de cargos comissionados na época, mas a Reforma proposta por Alfredão não diminui os cargos, aumenta ainda mais! Segundo, a Reforma anterior foi realizada no início do governo, não no final e as vésperas da eleição, como a atual. Terceiro, o ex-prefeito não havia provocado uma crise financeira sem precedentes na cidade e nem estava em débito com nenhum servidor, como Alfredão. Quarto, a Reforma feita pelo ex-prefeito foi considerada inconstitucional (a grosso modo) justamente pelo desnível entre o número de servidores efetivos e comissionados – o que a Reforma proposta não corrige, pelo contrário, amplia. Quinto, a obrigação de legislar não obriga a Câmara Municipal a ser mero órgão cartorial e votar apenas concordando com as vontades de Alfredão, indo contra o interesse público.

Não adianta tentar tampar o sol com a peneira já que o que está claro, está claro para todo mundo, incluindo o grande público. Ou seja, não adianta dizer que o Prefeito apenas fez ajustes no Secretariado, quando todo mundo sabe que está passando um vendaval pela Prefeitura. Os colegas jornalistas deveriam ter algum bom senso e parar de tentar defender o indefensável, já que como temos afirmado dia sim e outro também “quem está com salário atrasado não tem paciência para picuinha política“.

Estão contra a Reforma Administrativa de Alfredão os Vereadores Glauber Bastos, Alailton Pontes (Lalá) e Amanda da Aidê – os demais estão a favor.

Compartilhe:

Facebook
WhatsApp
Telegram

Ajude o Noroeste Informa

Chave: bc1qqgzrj7g03xqsc9cvr3n7m0yvrdc0s7wky453ux

Comentários: