Noroeste Informa

Recomendação de Filme: Adeus Lenin

Recomendação de Filme: Adeus Lenin

O filme se passa na Berlim Oriental (Socialista) acompanhando a história do jovem Alexander, sua mãe Christiane, sua irmã e sua sobrinha. O pai de Alexander abandonou a família fugindo para Berlim Ocidental quando ele ainda era muito jovem. Sua mãe, abalada pela fuga, tem um colapso nervoso do qual só consegue se recuperar empenhando-se ao máximo pelo sucesso da sociedade socialista. Anos mais tarde em 1989, durante o aniversário de 40 anos da Alemanha Oriental, Christiane vê o filho sendo agredido e preso pela polícia política do regime em meio a um protesto por mais liberdade. Diante da cena ela tem um novo colapso que a deixa em coma por 8 meses.

Quando Christiane acorda do coma o socialismo na Alemanha já havia acabado por completo. O muro de Berlim havia sido derrubado e o país que ela havia se empenhado em construir havia desaparecido. Alex foi instruído pelo médico de que sua mãe não poderia passar por novas fortes emoções. Sabendo da intensidade do compromisso da mãe com a Alemanha Oriental, Alex decide recriar no quarto onde ela repousava a nação socialista que já havia desaparecido.

O filme mostra bem o fim do socialismo e do bloco soviético. Alex se vê constantemente diante da decadência material presente no lado Oriental socialista frente a decadência moral do lado Ocidental capitalista. Enquanto Alex luta para reconstruir um pequeno paraíso socialista no quarto em que sua mãe se encontra, do lado de fora o capitalismo vai se impondo com outdoors da Coca Cola e balões de propaganda. Alex subverte ao limite a realidade para preservar sua mãe. Ele vai da mera substituição de rótulos de produtos, suborno de vizinhos e a recriação de noticiários inteiros para dar a ilusão de vitória do comunismo frente ao capitalismo.

A cena mais icônica certamente fica para o momento em que Christiane, ao conseguir voltar a andar, sai do apartamento e se depara com a nova realidade a sua volta. Assustada e confusa observa um helicóptero carregar a recém arrancada estátua de Lenin para fora do centro de Berlim.

O filme é um clássico, tem duas horas de duração e está disponível na HBO Max. Em momentos como os nossos, em que uma generosa parcela da população ocidental volta a acreditar em sociedades socialistas como mais justas esse filme deixa uma importante lição. Por um lado a defesa que o protagonista e sua mãe faziam do socialismo, não era do modelo político em si e sim da sua própria unidade familiar e comunitária. Principalmente considerando que o pai havia fugido anteriormente para o lado capitalista desfazendo a família e que agora o capitalismo estava modificando toda a realidade a volta deles como um grande invasor. Por outro a rápida adaptação que Alex e sua irmã fazem da porta para fora de seu apartamento ao capitalismo demonstra que eles estavam cientes de que a bigorna da realidade batia a porta sendo inútil defender ou lutar por um modelo político que sabiam existir e funcionar apenas na cabeça de sua mãe.

Compartilhe:

Facebook
WhatsApp
Telegram

Ajude o Noroeste Informa

Chave: bc1qqgzrj7g03xqsc9cvr3n7m0yvrdc0s7wky453ux

Comentários: