Noroeste Informa

Políticos do Rio saem em defesa de Brazão

Políticos do Rio saem em defesa de Brazão

Um terremoto atingiu a política do Rio, no dia de ontem (23/01), quando o Intercept Brasil divulgou a delação do ex-policial Ronnie Lessa, o homem acusado de ser autor dos disparos que mataram a vereadora Marielle Franco. A informação é de que o ex-deputado e Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado Domingos Brazão teria sido o mandante do crime. Diversos políticos, de Esquerda e de Direita, saíram em defesa do conselheiro nas redes sociais.

O Vice-Presidente Nacional do PT, Washington Quaquá, disse “Conheço Domingos Brazão de longa data, inclusive de campanhas eleitorais nacionais em que ele esteve do nosso lado. Sinceramente, não creio que ele tenha cometido tal brutalidade. Espero que as acusações que estão lhe fazendo não sejam validadas com base apenas na delação de um assassino ligado ao bolsonarismo”.

Já o Deputado Federal Otoni de Paula (MDB) afirmou que “Quem é do RJ conhece Domingos Brazão e sabe que, de todos os defeitos, próprios do ser humano, a covardia não faz parte do seu caráter. A menos que surjam fatos novos irrefutáveis, esse linchamento público que Brazão está sofrendo é, possivelmente, uma grande cortina de fumaça para outros interesses, principalmente políticos”.

Compartilhe:

Facebook
WhatsApp
Telegram

Ajude o Noroeste Informa

Chave: bc1qqgzrj7g03xqsc9cvr3n7m0yvrdc0s7wky453ux

Comentários: