Noroeste Informa

Opinião: O discurso de Sargento Cristiane é um desrespeito a todas as mulheres

Opinião: O discurso de Sargento Cristiane é um desrespeito a todas as mulheres

Na última sessão da Câmara Municipal de Itaperuna (20/09) a Vereadora Sargento Cristiane usou seu tempo de fala para dizer que vai solicitar a Comissão de Ética da casa para investigar o que ela diz ser uma “humilhação apenas por ser mulher” (veja). Para quem conhece a postura e o posicionamento da vereadora a frase pode parecer apenas mais umas de suas incontáveis dissimulações para tentar enganar seus eleitores, mas é muito mais grave do que parece.

O discurso ocorreu após a vereadora, não satisfeita em blindar a Secretária de Agricultura, Vivi Dentista, de ser convocada na Câmara Municipal, ainda resolveu prestar esclarecimentos em lugar da própria. A Secretaria de Agricultura está debaixo de investigação por gastos que alcançam a marca de 5 milhões de reais.

A Vereadora, além de ser Líder do Governo Alfredão – posição que ostenta como se fosse um título de nobreza – é conhecida por ser a passadora de pano oficial do governo. Seus incontáveis esforços para driblar e recusar os pedidos de fiscalização propostos pelos vereadores da oposição através de desculpas esfarrapadas e falas descompensadas lhe permite concorrer ao posto de vereadora mais impopular na história de Itaperuna. Os reflexos de seus posicionamentos são tantos que nem mesmo seus cabos eleitorais e assessores fazem questão de defender a vereadora, isso quando não a criticam.

A fala da vereadora é muito infeliz ao tentar se vitimizar dizendo que as investidas e as críticas que recebe dos vereadores da oposição são em decorrência de seu gênero, o que claramente não é. O notável Vereador França Bombeiro, enquanto ocupava a cadeira da vereadora Amanda da Aidê, foi por muitas vezes alvo das falas afiadas dos vereadores da oposição, assim como os vereadores Jeffinho de Boa Ventura, Carlinhos Peixeiro, Paulo Cesar Contador também o são.

Reduzir o sofrimento de milhares de mulheres que, em decorrência de seu sexo, diariamente são agredidas é no mínimo infeliz. Desejamos acreditar que a vereadora não fez isso apenas com a intenção de tirar o foco de sua vergonhosa omissão. Caso tenha sido, gostaríamos de incluir o pedido de que a vereadora, com todo o respeito, que nunca mais evoque algo tão sério para se safar de suas atitudes.

O povo itaperunense uma vez acreditou na sua proposta. Esse mesmo povo viu você chorando em comícios pois afirmava querer trabalhar por Itaperuna. Bem, aí está você, mas parece que você ainda não entendeu o que deveria representar.

Suas atitudes demonstram que sua lealdade está com Alfredão, quando deveria estar com que te elegeu, o povo itaperunense. Tendo em vista no colo de quem repousa sua honra, é claro como água de rocha que inúmeras críticas virão! Agora se este é o caminho que a senhora acha que deve traçar, tenha ao menos a honestidade de sustentá-lo aguentando o tranco!

Compartilhe:

Facebook
WhatsApp
Telegram

Ajude o Noroeste Informa

Chave: bc1qqgzrj7g03xqsc9cvr3n7m0yvrdc0s7wky453ux

Comentários: